Vereadores de Fundão congelam subsídios do Legislativo e do Executivo (20/12/2019)

A Câmara de Vereadores de Fundão aprovou na tarde desta quinta-feira (19/12/2019), em sessão extraordinária, os Projetos de Lei nº 087/2019 e 088/2019 que congelam os subsídios dos vereadores, prefeito, vice-prefeito e secretários municipais.

O projeto contou com a assinatura de todos os 10 (dez) vereadores em exercício, sendo aprovado por unanimidade dos presentes, ou seja, mesmo os vereadores ausentes à votação demonstraram apoio incondicional ao congelamento. Os projetos foram assinados por:

- Angela Maria Coutinho Pereira;

- Antonio Piol;

- Ataides Soares da Silva;

- Eleazar Ferreira Lopes;

- Elielton Rocha Nascimento;

- Eloizio Tadeu Rodrigues Fraga;

- Janilton Almeida De Carli;

- Ronaldo Broetto Scaquetti;

- Sonia Lusia Neves Rodrigues Steins;

- Vilcimar Correa;

Durante a votação os vereadores fizeram questão de registrar os motivos pelos quais eram favoráveis aos projetos de lei, principalmente abordando a importância de dar o exemplo com ações práticas voltadas a economia de gastos com o dinheiro público, tanto no executivo quanto no legislativo.

Com a aprovação dos projetos os subsídios ficam congelados nos valores atuais, ou seja, não haverá nenhum tipo de reposição de um mandato para o outro. Dessa forma os vereadores a serem eleitos em 2020 vão continuar recebendo, a partir de 2021 os mesmos subsídios que estão recebendo os atuais em 2019.

O futuro prefeito vai receber os mesmos R$ 13.000,00 (treze mil reais) que são pagos atualmente, assim como ficaram congelados os subsídios de vice-prefeito em R$ 9.000,00 (nove mil reais) e dos secretários em R$ 8.000,00 (oito mil reais).